8.12.13

E o domingo teve o sabor de maça com canela a derreter na boca e um sorriso a morrer no canto dos lábios...

2 comentários:

  1. para escutar em silêncio(s)...

    beijinho, querida amiga!

    ResponderEliminar
  2. e o poema nasce no silêncio... :-)

    beijinho, querido amigo!

    ResponderEliminar