28.4.12

respiração

fotografia de Andy
uma casa,
as janelas,
a manhã a espreitar para dentro
de todas as coisas sem nome
e as paredes aguardam em silêncio...

2 comentários:

  1. E é apenas nesse silêncio das paredes, que se ouve o nome das coisas. Um segredo que só a alma sabe, quando não se perdeu no ruído inútil.

    Um beijinho, querida amiga! Um beijinho muito grande...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga!
      quantas saudades!

      há esse silêncio precioso que não quero nunca perder de vista.
      um beijo enorme em forma de segredo :-)!

      Eliminar

neblina

o rasto de fumo apagava-se na porta entreaberta e ficava o silêncio da noite e uma ou outra palavra por dizer. O cheiro do cigarro apagado e...