28.4.12

tempos

gomos de laranja e uma mesa perfumada
a espera numa cadeira
e as memórias que tocam o cabelo,
fez-me lembrar as raparigas que ouviam música,
colhiam flores e cerejas
como brincos que lhes enfeitavam os sonhos...
















         rabiscos Andy

11 comentários:

  1. Respostas
    1. muito obrigada!
      e bem-vinda :-)
      beijinho, Catarina.

      Eliminar
  2. Tempos de sonhos intensos, Andy!

    Beijo :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. daquele tempo em que o relógio é apenas adereço, e o tempo é tanto de deslumbramento...

      beijinho grande, AC! :-)

      Eliminar
    2. deste-me uma ideia, obrigada AC! :-)

      Eliminar
  3. lembrar e viver de novo e de novo

    beijinho

    [gostei dos teus rabiscos...]

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. obrigada, querida Laura!
      gosto de rabiscos, coisas não muito sérias, nem perfeitas, apenas um traço ou emoção...
      beijinho grande :-)

      Eliminar
  4. Nem me fales em memórias...ainda espremo a pestana...
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. a saudade é infinita, verdade?
      obrigada
      e beijinho grande! :-)

      Eliminar
  5. São assim as lembranças. Momentos perfumados que esperamos, quando sentamos a vida numa cadeira e tudo nos parece, a chegar de novo.

    Um beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. verdadeiramente perfumados! a verdadeira essência do que fomos/somos...

      beijos, querida amiga!

      Eliminar