13.2.10

No teu deserto

"Às vezes, lá onde moro,
fico à noite a olhar as estrelas como as do deserto
e oiço o tempo passar,
mas não me angustia mais:
eu sei que é justo e que tudo o resto é falso."
.
Miguel Sousa Tavares
retirado do livro
"No teu deserto"
Quase romance

2 comentários:

  1. Eu vivi os meus primeiros 7 anos de vida num deserto (o meu deserto).Aí aprendi a gostar do silêncio, das cores do deserto e de observar, ouvir e cheirar: o céu,os animais, a areia, o ar e as gentes.

    Mas não leio o Miguel Sousa Tavares, porque não gostei de o ouvir, e ouvi algumas vezes na TVI, falar com tão pouco respeito dos professores.

    Beijo para ti

    ResponderEliminar
  2. Compreendo o que dizes Em@...
    este é o primeiro livro que leio dele...
    Bjs

    ResponderEliminar

neblina

o rasto de fumo apagava-se na porta entreaberta e ficava o silêncio da noite e uma ou outra palavra por dizer. O cheiro do cigarro apagado e...