12.12.09

Desafio


O blog Ler é viver propôs um desafio muito interessante mas... não foi fácil... há dias que as palavras, o sentir, os sonhos ou promessas não “cabem” ou não tomam vida na formatação de uma frase... principalmente com o poder sonoro que têm as frases: eu quero..., eu sei ..., eu prometo...
Quando pensei no Natal já se tornou mais luminoso e aliás a ideia original do desafio seria mesmo essa, por isso aqui fica...

Eu já... fiz a árvore de Natal, adoro árvores e esta não é excepção, há falta de melhor inspiração, para ser diferente e a pensar nos pequenos...entre as luzes e poucas bolas que dão um brilho sempre especial, enfeitei também com pequenos peluches e então surge entre as ramagens pequenos leões e ovelhas, espreitam ursos e doninhas por entre os ramos ...
Giro, foi ver a reacção deles!!!

Eu nunca... fiz um boneco de neve “à séria” com nariz de cenoura e gorro...

Eu sei... que a magia do Natal poderá nem sempre existir.

Eu quero... manter sempre este calor e deslumbramento quando penso nesta época.

Eu sonho... que haja cada vez mais aconchego nos corações...
menos frio, menos fome, menos dor...
todo o ano obviamente, não só agora...

Eu prometo... raras vezes faço promessas.

2 comentários:

  1. Obrigada. O desafio também me foi feito a mim.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  2. também está bem prontinha a arvore deste ano
    :D Mas quem lhe dá mta importancia é a minha mae!:D Não dou muito valor...dá muuiiitttoo trabalho!

    ResponderEliminar

neblina

o rasto de fumo apagava-se na porta entreaberta e ficava o silêncio da noite e uma ou outra palavra por dizer. O cheiro do cigarro apagado e...