20.9.09


Gosto de cantar
Enquanto as estrelas
Se prendem na melodia
Da alma a sonhar

Gosto de cantar
Enquanto o mar dorme
E as sereias negras
Voltam a sussurrar

5 comentários:

  1. Hum....amo cantar.


    Abraços


    Hugo
    Nosso-Cotidiano

    ResponderEliminar
  2. Que o canto se torne altissonoro ainda que à revelia das sereias negras.

    Beijinho!

    Jorge

    ResponderEliminar

neblina

o rasto de fumo apagava-se na porta entreaberta e ficava o silêncio da noite e uma ou outra palavra por dizer. O cheiro do cigarro apagado e...