28.8.09

A mente

A mente foi sempre fonte de curiosidade. Algo enigmático e surpreendente.
A mente está em constante diálogo com o nosso corpo, faz parte dele e podem coexistir em verdadeira sintonia.
“Uma mente, aquilo que define uma pessoa, exige um corpo, e um corpo, um corpo humano, claro, gera naturalmente uma só mente. A mente é de tal modo modelada pelo corpo e destinada a servi-lo que apenas uma mente pode nele surgir”. (António Damásio, 1999:172).
Poder-se-á considerar que a mente tem a possibilidade de comunicar com o corpo e então encontrar formas de se auto regular ou encontrar o equilíbrio necessário. Digamos que o nosso desejo profundo de nos curarmos ou de nos reestabelecermos mais ou menos depressa é em si próprio uma forma de comunicar com o nosso Eu, e assim accionar no nosso Ser, todas as possibilidades para a cura. Quantas vezes a expressão tão comum “não posso adoecer”, produz efeito. Como refere Hesbeen, (2000) a nossa capacidade pessoal para evitar ou retardar a doença é assim estimulada...

1 comentário:

  1. Ás vezes também devemos saber deixar o corpo comandar a mente,e fazer realmente o que deseja...

    Boa recuperação!

    ResponderEliminar